Clube do Remo está classificado para as semifinais da Copa Verde e irá encarar o Paysandu. Os azulinos não tiveram problema, na noite desta quarta-feira (24), para bater o Manaus pelo placar de 3 a 0 e garantiram vaga na próxima fase da competição regional. Neto Pessoa, duas vezes, e Erick Flores garantiram a vitória do Filho da Glória e do Triunfo, que segue em busca do título inédito.

 

Contra o Gavião do Norte, Eduardo Baptista colocou quase todos os titulares, querendo dar maior entrosamento e ritmo para seus atletas, visando a decisão contra o Confiança, no próximo domingo (28), pela última e decisiva rodada da Série B do Brasileiro, que definirá se o Leão permanece ou cai. No mais, ponto positivo para Felipe Gedoz que se destacou com assistência e finalizações, deixando o campo aplaudido pela torcida quando foi substituído por Erick Flores.

Remo e Paysandu se encaram no dia 1º de dezembro, quarta-feira, no primeiro jogo das semifinais, no Estádio Leônidas Sodré de Castro, a Curuzu, em Belém, a partir das 20h. O confronto da volta irá acontecer no Estádio Antônio Baena, o Baenão, no dia 4, sábado, às 17h, no horário de Brasília. Nova Mutum e Vila Nova fazem a outra semi e os alagoanos já venceram o primeiro jogo por 3 a 0.

Primeiro Tempo:

Os azulinos começaram a partida tentando impor o ritmo de jogo, buscando mostrar quem mandava no Baenão. A equipe de Eduardo Baptista dominava a posse de bola, mas não conseguia se aproximar do gol do Gavião do Norte. O jogo foi se desenvolvendo e os Leão já conseguia se aproximar do gol de Gleibson devido ao domínio. O Manaus, por outro lado, tentava surpreender em contra-ataques puxados por Jack Chan e em bolas paradas.

Os visitantes eram presa fácil, e os donos da casa nem jogavam tão bem. O time amazonense não conseguia levar perigo e defendia mal. Os remistas aproveitaram para abrir o placar aos 33 minutos com Neto Pessoa, que aproveitou o cruzamento de Gedoz. Nove minutos depois, o próprio centroavante azulino aumentou o marcador, após cruzar e ver a bola passar por todos, indo parar no fundo do barbante.

Segundo Tempo

O jogo voltou no mesmo panorama do primeiro tempo. Com o Remo rondando e tentando se aproximar do gol adversário. No entanto, quem levou perigo foi o Manaus. Aos 7 minutos, Márcio Passos chutou de fora da área e assustou Vinícius. Bola passou perto da trave esquerda do goleiro azulino. Depois disso, Felipe Gedoz assustou Gleibson duas vezes.

O Remo seguiu dominando o jogo, Eduardo Baptista fez alterações para oxigenar e dar ritmo a outros jogadores. Rafinha, que havia entrado no lugar de Matheus Oliveira, sentiu uma lesão muscular e provavelmente não estará à disposição contra o Confiança. Erick Flores, que também entrou no decorrer do jogo, voltou a marcar e decretou a vitória por 3 a 0.

 

 

Fonte: O Liberal
Foto: Samara Miranda